A questão é saber se o MPF vai querer ouvir o que Antonio Palocci tem a contar sobre as negociatas da Globo. Há muita pressão para que isso não aconteça.